Social Network Badges

Qual lâmpada escolher? Resolva suas dúvidas aqui.

O mercado oferece cada vez mais opções em iluminação e para quem não entende tão bem do assunto pode se atrapalhar na hora de escolher e acabar optando pelo produto que não é adequado. Para cada ambiente e necessidade há um modelo de lâmpada diferente. Então aqui estão dicas bem importantes na hora da compra.

Incandescentes: são as mais comuns e as menos duráveis. Apenas 10% da energia consumida transformam-se em luz, o resto vira calor. A vida útil é de 700 a mil horas.

Fluorescentes: são econômicas e tem vida útil de 7500 a 16 mil horas. Fornecem luz branca e amarela.

Dicróica: halógenas de baixa voltagem. Versátil, pode ser usada na casa toda. Permite o acoplar alargador de facho, filtro de cor e antiofuscante.

Palito: halógena bipolar de 100 a 500 w que funciona sem transformador. Usada para fornecer luz indireta em arandelas, lustres ou paflonds.

Bipino: halógena de baixa voltagem, ideal para abajures, arandelas ou embutidas em armários de cozinha ou áreas pequenas de trabalho.

AR: halógena que requer transformador. A AR48 é bem fechada e pode ser direcionada para um quadro, por exemplo. A AR70 é usada em pé-direito normal e a AR111 em pé-direito alto.

PAR: halógena refletora que não precisa de transformador. É muito comum em jardins e ambientes com o pé-direito alto.

últimas notícias

Email
Print